Pra Dentro D`Água

4 de novembro de 2010



Quem deseja capturar em imagens o máximo da emoção proporcionada pelo ato de deslizar nas ondas tem basicamente duas opções: investir em uma objetiva de longo alcance para tirar fotos da areia, ou adquirir um equipamento a prova d`água para se jogar ao outside.



E como a emoção do surf acontece essencialmente dentro do mar, recentemente decidi me aventurar de vez na segunda alternativa, investindo em uma caixa estanque para a minha camera Canon, que ficou pronta nesta última semana. Encomendei o equipamento com o Sr. Ivan Silva, figura conhecida da Lagoa da Conceição em Floripa e uma referência nacional quando o assunto é caixa estanque.



É possível contar nos dedos o número de fabricantes deste tipo de equipamento customizado para cinegrafistas aquáticos aqui no Brasil. Natural de Floripa, Ivan conta que construiu a sua primeira caixa há cerca de vinte anos para poder registar as belezas do fundo do mar que curtia em seus tempos de mergulhador.


A primeira caixa de Ivan

Munido de sua experiência como serralheiro e encanador - "o mais famoso construtor de poços artesianos da região" segundo ele - Ivan detinha as habilidades necessárias para arriscar a mão na construção de um artefato que vedasse a entrada de água para a sua camera Sony FX230 - modelo construído em 1990 que ele guarda até hoje na oficina nos fundos de sua residência.

De lá pra cá, muito fotógrafo de surf profissional e demais cinegrafistas aquáticos já adquiriram equipamentos com ele. Cada caixa leva cerca de 10 dias para ser construída de maneira customizada para a camera do cliente, com os (salgados) preços da versão básica girando em torno de R$ 2 mil. Com veia de inventor, Ivan também se dedica a construir outros equipamentos ainda mais complexos, como uma inovadora moto subaquática.



Sobre as diferenças entre a caixa estanque de mergulho e a de surf, Ivan explica que as caixas para operar no fundo do mar são construídas com acrílico transparente para suportar a pressão até 40 metros de profundidade, enquanto as de surf tem a cor amarela, para evitar embaçar a lente (como acontece direto com a Go Pro) e são feitas para suportar até 08 metros de profundidade. A prova final de garantia do equipamento é o teste de pressão que Ivan realiza na frente do cliente numa câmara hiperbárica que ele mesmo construiu.



Munido de um par de pés de pato e muita disposição fiz o batismo da minha caixa logo em um mar pesado na Praia Brava em Floripa no último domingo de eleição. Camera acoplada e parafusos apertados, chegou a hora de benzer o equipamento e torcer para não fazer alguma cagada logo de cara, por conta de algum vacilo primário.

A praia estava cheia, com ondas fortes e constantes em séries que passavam de 1,5 metro e uma correnteza chata de varar. Ao encarar o desafio percebi que o buraco era bem mais embaixo em termos da mobilidade e agilidade que se tem ao trocar a prancha por uma caixa pesada - compreendi assim o motivo de não vermos muitos fotógrafos aquáticos em ação no outside quando o mar está bombando.



Depois de um certo sufoco tomando várias ondas na cabeça, sentindo cãimbras nas plantas dos pés e sofrendo com erros básicos nos ajustes iniciais feitos na câmera, até que consegui tirar umas fotos minimamente decentes de alguns surfistas desconhecidos que cruzaram o meu caminho.



Permaneci no mar furando ondas e tirando fotos por uns vinte minutos, procurando mirar a lente na direção das direitas do costão sul que ofereciam boas paredes e a melhor luz. A certa altura, uma série com muitas ondas fechadas praticamente me expulsou do mar, decretando o fim da sessão.




O esforço tinha valido a pena como uma primeira experiência. As ondas estavam fortes e bonitas e muita gente se divertia dentro d`água. Então voltei para o outside, dessa vez apenas com a minha prancha, para me juntar ao crowd e botar pra baixo sem medo de ser feliz.



Saiba mais sobre as caixas estanque de Ivan Silva clicando aqui

8 comentários:

zanella1306 disse...

cara, vai te acostumando é foda mesmo eheheh com o tempo pegas a manha.. negócio e sempre deixá-la embaixo da água e só subir na hora de tirar a foto ou filmar.. sempre cuspindo na lente!
abracao

A.R.T. Project disse...

Que irado Luciano.... admiro tuas iniciativas em relação ao surf. Tenho certeza que sairão boas imagens a medida que você for se familiarizando com a técnica dentro d'água.
E que genialidade a do sr. Ivan, hein? Esse know-how que ele desenvolveu é fantástico. O cara montou até uma mini câmara hiperbárica!
Ótimo post!

Felipe Siebert disse...

coisa linda... só é complicado pagar mais pela caixa do que pela camera...

assim como é f*** pagar mais por um longjohn do que por uma prancha...

Nino Moreira disse...

Bacana o relato. Tenho uma "sonyzinha" com caixa própria, que embaça direto. Alguém sabe dizer pq é q a caixa amarela embaça menos??? Estou doido p voltar a usar a minha novamente, mas sem o desconforto do embaçamento. A propósito, qdo tiverem um tempinho, curtam: www.opus67.blogspot.com abs

daniel caon alves disse...

Muito legal! Não sabia que exigia tanto para tirar essas fotos dentro d'água, mas realmente, para ficar boiando na zona de impacto com um baita equipamento desses tem que ter um ótimo preparo!

Anônimo disse...

absorvente feminino nas laterias da go pro soluciona o problema de embaçar.

thiago disse...

tenho uma hx1 com caixa estanque da croma, faco umas fotos com ela... tou com vontade de fazer a caixa pra minha 40d , com o ivan... esse caso de embacamento ocorre pelo seguinte:

1: choque de temperaturas, normalmente acontece em dias quentes e de agua fria, antes de vc entrar na agua sua caixa fica exposta ao sol e esquenta o equipamento, quando voce entra na agua fria a camera esta bastante aquecida , dando assim um choque de temperatura fazendo com que a caixa soe , voce resolve isso da seguinte forma: leve a caixa estanque embrulhada em uma toalha molhada.. isso evita com que ela esquente...

2:umidade dentro da caixa estanque , li em alguns artigos que quando a umidade do ar esta muito alta , ao fechar a caixa ela retem umidade dentro, essa umidade condensa e ai soa a caixa... dizem que fechar a caixa estanque em um abiente de ar condicionado evita isso , (eu nunca testei) mas deve funcionar... eu uso absorvente feminino SECO , se for gel piora, mas atencao, o absorvente faz com que a caixa aqueca ainda mais, use silica gel que tambem retem a umidade, espero que tenha ajudado... outra coisa importante e deixar a caixa SEMPRE DENTRO dagua

Anônimo disse...

oba! muito boas dicas relativas ao embaciamento!
já tem até empresas a "lucrar" com fitas anti embaciamento para cameras...

algo tão simples de resolver. valeu pelas dicas.

tenho alguns videos HD no meu FB (sem embaciamento) ;) /iloveyoutaylorswift

abraços

Thi

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails